15/01/2014


Foco, estar focado. Bem mais que estar ligado. Porque ligado nós geralmente estamos, e em muitas coisas. Mas quando estamos focados é diferente - a gente se entrega. Assim, de corpo e alma, e principalmente de alma. Nossos pensamentos, desejos, vontades, anseios, sonhos e até palavras tornam-se direcionados. E a gente começa a viver em função daquilo, nos apaixonamos, independente de ser por quem ou pelo que. Nos focamos nas metas, nas pessoas, nos momentos. Tornamo-nos pessoas determinadas. Mas, como em todas as coisas e situações, existem poréns e por vezes, toda essa determinação não vale a pena. Metas quase impossíveis, que mesmo sabendo que o impossível não existe, são metas que necessitam de esforços muitas vezes não compensatórios.. Ou pessoas das quais doamos até nossa alma e não há reciprocidade. Como lidar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário